Bolsa Família 2023 | Cadastro – Novas Regras e Inscrição

Escrito por Redação do site em
Publicidade




O Bolsa Família é um programa de transferência de renda do governo federal, que tem como objetivo combater a extrema pobreza e a desigualdade social no Brasil.

O programa tem existido desde 2003, em constantes adaptações, e em 2021 passou por mudanças visando ampliar sua abrangência e melhorar os benefícios aos que se encontram em vulnerabilidade financeira.

Publicidade




Estas mudanças já estão em vigor desde janeiro de 2021, tendo dado início à primeira fase de implementação junto aos beneficiários já inscritos no programa.

Imagem retirada do próprio Google

Detalhes sobre o Bolsa Família 2023

Durante 2022, mais ajustes serão realizados, e em 2023 o novo programa estará totalmente implementado e disponível para aqueles interessados em se inscrever.

Publicidade




Para que você e sua família possam usufruir dos benefícios do novo Bolsa Família, é fundamental que esteja ciente de todas as regras e procedimentos para a inscrição.

Neste artigo você encontrará as principais informações importantes para realizar o seu cadastro e obter as vantagens  do Bolsa Família.

Bolsa Família 2023 | Cadastro

O Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) é um dos meios pelos quais as famílias brasileiras podem participar do Bolsa Família 2023. Para este ano, cada família interessada deverá preencher a ficha CadÚnico, disponível no site da Caixa Econômica Federal.

O objetivo deste cadastro é identificar, cadastrar e monitorar as famílias que possam se beneficiar dos programas sociais do Governo Federal. Além disso, a análise dos dados, realizada pela plataforma, permite identificar a quais áreas cada família pode acessar os diversos benefícios.

Os dados solicitados na ficha CadÚnico são: nome, data de nascimento, sexo, endereço completo (incluindo CEP), RG (atualizado), CPF, renda mensal/anual, informações sobre os membros da família, entre outros.

É importante destacar que todas as informações devem ser verdadeiras e precisas, pois elas serão comprovadas durante o processo de inscrição.

É necessário lembrar que, para beneficiar do Bolsa Família 2023, é fundamental respeitar os requisitos para se inscrever: cada membro da família deve ter um RG atualizado.

Inclusive para os menores de 18 anos; os familiares que já estejam recebendo o programa, devem comprovar a renda total mensal não superior a R$178,00 (Cento e Setenta e Oito Reais).

Depois de preencher a ficha, basta enviar para a Central de Atendimento Caixa Econômica Federal. A partir de então, você já terá iniciado o processo de recebimento do Bolsa Família 2023.

Novas Regras

Em meio à instabilidade da economia brasileira, o governo federal anunciou em fevereiro de 2021 que irá mudar a forma como as bolsas família serão concedidas a partir de 2023.

A ideia é aumentar a cobertura da maior programa de transferência de recursos do país, trazendo mais famílias para fora da extrema pobreza. Para isso, o governo elaborou novas regras para a concessão no Programa Bolsa Família.

1. O valor da Bolsa Família aumentará gradativamente para R$ 190,00 a partir de janeiro de 2023.

2. A faixa de renda elegível para acessar o programa será ampliada de R$ 178,00 ao mês para R$ 225,00.

3. Novas formas de verificação da condição de necessidade serão criadas. Além de informações sobre renda, serão consideradas situações como ocupação informal de trabalho e ausência de carteira de trabalho assinada.

4. Os beneficiários poderão optar por obter os recursos transferidos diretamente para conta bancária ou por cartão magnético.

5. Para aprimorar a segurança do Programa Bolsa Família, o governo fará uma análise mais detalhada da documentação exigida e acompanhará os beneficiários por meio de cruzamento de dados com o Sistema Único de Assistência Social (SUAS).

6. O valor da bolsa será atualizado conforme a inflação acumulada a cada ano.

7. Serão oferecidas novas linhas de crédito aos beneficiários do Programa Bolsa Família, com redução dos juros e ampliação das faixas de renda elegíveis.

Bolsa Família 2023 | Inscrição

Passo 1: Verifique se atende aos critérios para inscrição

Antes de realizar a inscrição para o Bolsa Família 2023, você deve verificar se atende aos critérios de elegibilidade para o programa.

Os benefícios do Bolsa Família são direcionados às famílias que se encontram em estado de extrema pobreza.

Passo 2: Acesse o portal oficial do Bolsa Família

Após verificar os critérios de elegibilidade, você deve acessar o site oficial do Bolsa Família. Na página inicial do site, clique na opção ‘Inscrições’.

Passo 3: Realize o cadastro

Na tela de inscrição, clique na opção ‘Realizar Cadastro’. A seguir, cadastre seus dados pessoais como nome, CPF, data de nascimento etc.

Passo 4: Cadastre os demais membros da família

Na mesma tela, cadastre os demais membros da família. Se todos os membros comprovem ter direito ao ter benefício do Bolsa Família, preencha a documentação necessária e envie-os.

Passo 5: Agende um atendimento

Após preencher todos os dados cadastrais, agende um atendimento presencial na unidade da Caixa Econômica Federal mais próxima de sua residência para a entrega dos documentos.

Passo 6: Compareça à unidade

Na data marcada, compareça à unidade da Caixa Econômica Federal e entregue todos os documentos previamente preenchidos.

Assim, você concluiu o processo de inscrição para o benefício 2023.

Publicidade




Sobre o Autor
Redação do site
Redação do site

Você está aqui: